top of page
Artboard 34titles.png

Perfil do Mercado de Edtechs LATAM


Imagem com fundo preto, textos em branco e graficos em verde e azul

As startups de educação têm desempenhado um papel vital na transformação do cenário educacional global em uma era dominada pela inserção da tecnologia nos mais diversos setores.


Hoje, com quase 900 startups mapeadas na América Latina, o Brasil se destaca como líder da região, com cerca de 70% do total de startups. O Chile ocupa o segundo lugar, seguido pela Colômbia, Argentina e México.


O segmento tem vivenciado nos últimos 10 anos, uma onda de investimentos que totalizam aproximadamente US$ 600 milhões em 316 rodadas, destacando a confiança crescente no potencial de longo prazo das soluções no setor.


Diferente do mercado de tecnologia em geral, o setor apresenta características distintas em termos de modelo de negócio e público-alvo, refletindo as necessidades e dinâmicas específicas do mercado educacional. 


As EdTechs direcionam suas soluções principalmente para atender diretamente o consumidor final, refletindo um foco na oferta de produtos e serviços diretamente para estudantes. Já em termos de modelo de negócio, as startups estão mais voltadas para a gestão de escolas e ferramentas de ensino.


Ao analisar o ecossistema, é possível identificar três categorias principais que abrangem uma ampla gama de serviços e produtos: plataformas de ensino, ferramentas de estudo e gestão educacional, e foco no ensino.


As EdTechs estão bem posicionadas na região para não apenas crescer, mas também para impactar profundamente a sociedade, promovendo uma educação mais acessível, personalizada e alinhada com as exigências atuais.


No Brasil, 10 edtechs vêm ganhando destaque e reconhecimento nacional e internacional em 2024: AfyaVitru EducaçãoAluraDescomplicaÁrvoreImaginieVeduca EdtechEdusenseDescola e Ludos Pro.

Comments


bottom of page